Ícone de alerta
Alerta anterior Próximo alerta Fechar alerta

Tempestade subtropical Yakecan ainda provoca ventania no Sul

Compartilhar Compartilhe no Whatsapp Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter

3 min de leitura


A ventania da tempestade subtropical Yakecan assolou o Rio Grande do Sul e Santa Catarina nesta terça-feira, 17 de maio de  2022. A região de Siderópolis, no sul de Santa Catarina, teve rajada de 105,7 km/h no dia 17 de maio de 2022, mas à 00 hora desta quarta-feira, 18 de maio, uma rajada chegou aos 107,6 km/h  Estas medidas foram feitas pela rede de observações meteorológicas do Epagri/Ciram, do governo de Santa Catarina, as mais intensas observadas por este órgão, até às 5 horas da madrugada de 18 de maio. 

 

São José dos Ausentes, na serra do Rio Grande do Sul registrou 95,8 km/h nesta terça e Vacaria (serra gaúcha), 85 km/h


Os ventos intensos causaram intensa agitação no mar gerando grandes ondas de ressacas no litoral do Rio Grande do Sul. Milhares de pessoas ficaram sem energia na terça-feira por causa a da queda de árvores e postes sobre a fiação 

 

 

 


Previsão

 

Nesta quarta-feira, a tempestade subtropical se desloca pelo litoral de Santa Catarina e segue para a costa de São Paulo na quinta-feira, mas já enfraquecido em alto-mar

Os ventos no Sul do Brasil tendem a diminuir no decorrer já na tarde ou noite desta quarta-feira.


Sistema atípico


Este sistema meteorológico já pode ser considerado um dos mais atípicos formados na costa brasileira.. Ele se formou sobre o oceano, a partir de um ciclone extratropical, houve uma queda da pressão atmosférica muito acentuada e incomum, e então o sistema se deslocou em direção ao continente, o que é totalmente fora dos padrões normais. O comum é  este tipo de tempestade ir para o alto-mar

 

Havia uma possibilidade de reclassificação do sistema para uma tempestade tropical, mas a última análise oficial da Marinha do Brasil manteve a classificação de tempestade subtropical.

 

 

Análise meteorológica da Marinha do Brasil de 21 h de 17 de maio de 2022

 

No vídeo, a tempestade subtropical Yakecan é identificada como o conjunto de nuvens em movimento circular, no sentido horário, que aparece no litoral do Rio Grande do Sul, mas em deslocamento para o litoral de Santa Catarina. 

 

 

+ mais notícias